Como fazer um orçamento 50-30-20?

Como fazer um orçamento 50-30-20?

Quando o assunto é como planejar e quando gastar seu dinheiro, ficamos pensando como e por onde começar, né?

Existem vários métodos que podem te ajudar nesse grande passo para consciência da importância da sua vida financeira, um deles é o 50 – 30 – 20. Essa forma de planejamento, consiste em dividir suas despesas em 3 categorias: necessidades, desejos pessoais e pagamento de dívidas/investimento.

Temos certeza que com essa forma flexível de conseguir adequar um cronograma financeiro à sua realidade, você vai conseguir ainda hoje dar o primeiro passo para organizar o seu dinheiro e o mais importante, adequar suas metas e realizá-las.

O que é a regra 50 – 30 – 20?

Essa regra pode ser o ponta pé que você precisava para organizar a sua vida financeira. Você precisa dividir e reorganizar os seus gastos em três etapas:

50% em necessidades – nessa categoria, coloque itens essenciais para você viver (literalmente). Pode estar incluso despesas como: alimentação, aluguel, moradia, condomínio, financiamento da casa própria. Também é incluso contas de consumo assim como contas de água, gás e energia.

30% em desejos pessoais – coloque seus gastos flexíveis, ou seja, tudo o que você compra, mas não necessariamente precisa, por exemplo: viagens, um tênis novo, restaurantes e até a conta de internet do celular ou Wi-Fi.

20% em metas financeiras – é importante destinar essa parte para dívidas que você está acertando e investimentos financeiros. Calma! Sabemos que quando falamos em “investimentos” pode causar um certo medo – que é normal, uma vez que não somos educados a organizar o nosso dinheiro. Mas colocar o seu dinheiro para render não é um bicho de 7 cabeças. No Digio, por exemplo, você consegue investir o seu dinheiro em CDB que rende 100% do CDI. E o mais incrível: você não precisa fazer nada. Só deixar a sua grana no seu saldo em conta que, automaticamente, ele renderá diariamente mais que a poupança. Demais, né?

Leia também:
Dicas de organização financeira com Julia Mendonça.
Como calcular o rendimento do CDI?
Como receber a restituição do Imposto de Renda 2021?

Como começar a organizar seu salário na regra 50-30-20?

Agora que você já entendeu o conceito desse cronograma, vamos te ajudar a aplicar ele à sua vida. Precisamos começar organizando a casa, ou seja, entendendo o quanto você ganha. O passo a passo para começar a fazer a diferença com o seu dinheiro:

1) Descubra sua renda liquida
Esse valor é aquele que “sobra” depois dos descontos feitos do seu salário na carteira. Caso você seja profissional liberal, subtraia todos os impostos que deve pagar em cima do que recebe;

2) Limite suas necessidades a 50%
Anote o quanto você gasta antes de começar o seu planejamento. Aqui entra despesas com necessidades: alimentação, moradia, transporte e saúde. É importante que o valor total das necessidades não supere 50% do valor total da sua renda;

3) Limite seus gastos pessoais a 30%
Aqui anote todas as contas de celular, internet, academia e valores que paga mensal para o seu lazer;

4) Limite 20% para poupar e pagar dívidas
Se você fez algum acordo dívida também entra aqui além do valor que deseja poupar.

Se você quiser reorganizar as porcentagens de acordo com o que julga necessário você pode. A ideia aqui é que você priorize em cada categoria o que julga mais necessário. A regra 50 – 30 – 20 é totalmente flexível e você pode ter o seu dinheiro organizado e investido, adequado a sua realidade 😊


Compartilhar o artigo