O que é IOF? Confira todo os detalhes desse imposto aqui!

O que é IOF? Confira todo os detalhes desse imposto aqui!

O Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) é um imposto federal cobrado sobre todas as transações financeiras, do câmbio a empréstimos e investimentos. Ele serve para arrecadar recursos financeiros para o governo federal e como indicador de como a economia do país está caminhando.

Hoje vamos falar sobre todos os detalhes desse imposto, vem comigo!

Qual é a taxa de IOF?

Como o IOF é cobrado em diversos tipos de operações financeiras, existem diferentes alíquotas que devem ser pagas. Confira a seguir as porcentagens de IOF de acordo com a operação financeira:

Qual é o IOF do cartão de crédito para compras internacionais?

Vai viajar e está pensando em usar o cartão de crédito? Lembre-se que será cobrado 6,38% de IOF sobre o valor total dessas transações. Vale lembrar que o mesmo percentual se aplica para compras realizadas em sites estrangeiros.

Tem IOF na contratação de seguros?

No caso de seguros também há cobrança de IOF, que varia entre 0,38% e 25%, e pode ser aplicado de duas formas diferentes: sobre o prêmio ou o valor pago para a seguradora.

No seguro para bens, como carro e moto, o IOF é de 7,38% sobre o valor pago para a seguradora. No seguro de vida é diferente, a cobrança é de 0,38% sobre o prêmio que o beneficiário do seguro tem direito a receber.

Para ver como o IOF é cobrado no seu caso, vale conferir sua apólice de seguro, documento com todas as informações do serviço contratado.

Qual é o IOF para câmbio de moedas?

Está querendo trocar seu reais por dólares, euros ou qualquer outra moeda estrangeira? Então não se esqueça de colocar mais 1,1% de IOF nessa conta. Todo câmbio de moedas deve pagar o IOF.

Qual é o percentual de IOF cobrado sobre empréstimos e financiamentos?

Quase todos os empréstimos e financiamentos tem cobrança de 0,38% sobre o valor total do contrato, sendo zerado apenas no caso de financiamentos de imóveis residenciais.

Vale lembrar que, caso você atrase o pagamento das parcelas do seu empréstimo ou financiamento, o governo cobra mais 0,0082% para cada dia de atraso.

O IOF é cobrado sobre cheque especial e crédito rotativos?

Além de ambas opções de crédito terem os juros mais altos do mercado, o IOF também é cobrando sobre o cheque especial e rotativo.

É isso mesmo, além de pagar os juros pelo atraso, é cobrando 0,38% de IOF sobre o valor que está atrasado, com acréscimo de 0,0082% por dia atrasado.

Vale lembrar que o DigioCartão é o primeiro e único cartão de crédito sem anuidade e juros rotativos.

Por que o IOF é cobrando em cima do rendimento do CDI?

Como você já deve saber, a DigioConta te oferece rendimento diário e automático de 100% do CDI em todo saldo depositado, certo? Como falamos aqui, também é cobrada IOF sobre o valor do rendimento e não sobre o montante investido.

A grande diferença é que a porcentagem segue uma tabela regressiva, ou seja, dependendo do período de investimento, é cobrado um percentual diferente de IOF sobre o rendimento do investimento.

A seguir você confere a tabela regressiva de IOF sobre investimentos, que começa em 96% e pode chegar a 0% no 30º dia.

Cartão de crédito tem cobrança de IOF?

Quando a compra com cartão de crédito é realizada no território nacional você não precisa pagar IOF, somente no caso de compras internacionais ou em sites estrangeiros. Nessas situações o imposto sobre o valor comprado é de 6,38%.

Como saber o valor pago de IOF?

Depois de conferir o percentual de IOF e sobre qual valor ele é cobrado fica fácil, basta multiplicar os dois valores. A seguir confira o exemplo do cálculo de uma compra de R$ 500 feita em um site estrangeiro:

Como conseguir isenção do IOF?

Não é possível conseguir isenção de IOF sobre nenhuma das operações financeiras que falamos acima, porém, em alguns casos, é possível tomar algumas atitudes para evitar a cobrança. Confira exemplos:

– Fez um investimento em renda fixa ou transferiu uma grana para a DigioConta? Aguarde pelos menos 30 dias, dessa forma você não precisa pagar nenhum centavo de IOF;

– Não quer pagar o IOF do crédito rotativos? Ou melhor, que tal não pagar nem os juros do rotativo? Com o DigioCartão você não corre esse risco, além de não cobrar nenhum centavo de anuidade, ele não tem juros rotativos!

Bora se livrar de vez do IOF? Então peça agora seu DigioCartão.


Compartilhar o artigo