Apólice de seguro: o que é, para que serve, confira detalhes.

Apólice de seguro: o que é, para que serve, confira detalhes.

Independentemente do tipo de contratação ou da empresa que está oferecendo, em algum momento você vai se deparar com a apólice de seguro. Ela é um documento com todas as informações sobre o serviço que será ou já está sendo prestado.

Hoje vamos detalhar todos os detalhes sobre esse documento tão importante, se liga!

Para que serve apólice de seguro?

A apólice de seguro é um documento emitido pela empresa que está oferecendo o serviço e serve basicamente para especificar quais são as condições do contrato e quem são os beneficiários do seguro.

Em uma apólice de seguro de vida, por exemplo, fica especificado todas as condições que que foram negociadas ao realizar a contratação, como: valores disponíveis para reembolso médico, quantia a receber em caso de acidentes graves, indenizações por danos a bens ou até mesmo quem irá receber o montante total combinado em caso de falecimento do contratante do seguro.

Além disso, na apólice de seguro fica disponível todo o fluxo que o cliente deve percorrer para acionar a empresa de seguro contratada e receber o benefício combinado, seja ele um valor em dinheiro, no caso de seguro de vida, seguro de cartão de crédito e outros, ou como iniciar o reparo coberto pela seguradora, em caso de seguros para sua casa ou carro.

De forma resumida, a apólice de seguro determina toda e qualquer informação que você pode precisar sobre o seguro que contratou.

O que deve constar na apólice do seguro?

Cada tipo de seguro tem uma apólice diferente e, além de constar seus dados pessoais, existem três clausulas que são universais, ou seja, devem constar em todas. Confira abaixo quais são e o que elas significam:

Cláusulas particulares

Essa parte da apólice é diferente para cada cliente, pois é onde fica descrito os detalhes negociados de cobertura e valor, quem vai fazer parte do contrato (como contratante ou beneficiário), por quanto tempo ele ficará vigente e outros pontos detalhes.

Cláusulas específicas

Como dissemos acima, cada tipo de seguro tem uma especificação de serviço que será prestado. Essas informações são chamadas de especificas e servem, principalmente, para esclarecer quais serviços estão sendo contratos.

Cláusulas amplas

Como o próprio nome já diz, nessa parte do contrato são listadas informações gerais do contrato. Nelas há informações como a abrangência do serviço prestado, valores que serão cobertos em cada situação, como será feito o pagamento do desse montante e em qual prazo.

Com essas cláusulas já é possível entender detalhadamente o serviço que está sendo contratado, pois as outras variam muito de empresa para empresa de seguro, e servem para especificar ainda mais o serviço que você está contratando.

Quais são os tipos de apólice de seguro?

No mercado de seguros existem alguns tipos de apólice que podem mudar a forma que o serviço prestado irá funcionar. A seguir você confere os principais tipos de apólice:

Apólice de seguro resgatável?

Na maior parte dos casos, quando você contrata um seguro o valor pago não volta para você, independentemente se você utilizou ou não os serviços disponíveis. Existem no mercado algumas apólices de seguro que oferecem a restituição total ou parcial caso o contratante não tenha acionado a seguradora para usar o serviço.

Um bom exemplo desse tipo de apólice é o seguro fiança locatícia, usado para locação de imóveis. Com ele você deposita um valor na conta de seguradora e, caso você não atrase o aluguel nenhum mês, recebe de volta no fim do contrato.

Apólice de seguro aberta e fechada?

A diferença entre esses dois tipos de apólice se refere a flexibilidade de alteração durante a vigência do contrato. Em outras palavras, a apólice aberta permite que você aumente ou diminua a cobertura do serviço por exemplo. Já a fechada você não pode fazer nenhum tipo de alteração no contrato.

Apólice de risco específico?

Apólice de risco específico ou nomeado nada mais é do que quando o serviço cobre apenas os eventos que estão descritos nela. Diferente das demais, esse tipo de apólice é usada para proteger bens que não são tão comuns se fazer um seguro e a cobertura é descrita por quem está contratando, como se fosse um seguro personalizado para cada caso.

Apólice de multirrisco ou compreensiva?

As apólices de multirrisco ou compreensivas são usadas para unir vários seguros em um só, protegendo geralmente o contratante do serviço e todos os bens que ele possui.

Apólice de seguro com danos de terceiros

As apólices que contam com seguro para terceiros são muito comuns para os contratos de proteção para carros e motos e serve para indenizar uma pessoa que tenha sido afetada por alguma ação de quem contratou o serviço. Imagine que você tenha causado um acidente de trânsito e acabou amaçando o carro de outra pessoa, caso seu seguro cubra danos a terceiros há um valor garantido pelo seguro para indenizar e realizar o conserto do carro dele.

Tirou todas as suas dúvidas? Siga o Digio nas redes sociais clicando aqui e fique ligado aqui no DigioBlog para não perder nenhuma novidade.


Compartilhar o artigo